20 setembro 2009

Cultura Literal: Jornalistas e Revolucionários.

. 20 setembro 2009

Para o décimo quinto post da série um livro meio que teórico, escrito por Bernardo Kucinski.

Kucinski é jornalista e cientista político brasileiro, colaborador do Partido dos Trabalhadores (PT) e professor da Universidade de São Paulo (USP). Militante estudantil durante o regime militar, foi preso e exilado. Retornou e entrou para os quadros da USP na Escola de Comunicações e Artes. Em 1991, obteve grau de doutor em Cie^ncia da Comunicação, com tese sobre a imprensa alternativa no Brasil entre 1964 e 1980. Ganhou o prêmio Jabuti de literatura em 1997.

O livro de Bernardo Kucinski, "Jornalistas e Revolucionários" preenche uma lacuna da nossa historiografia. Tivemos histórias do cárcere, do exílio e da clandestinidade. Mas não tivéramos ainda a recuperação histográfica do enfrentamento cotidiano com o espírito do cárcere e com o exílio da cidadania que marcaram a vida do Brasil e da América do Cone Sul nesses anos sinistros de golpes e milagres, lágrimas e torturas, precárias grandezas e grandes mesquinharias. Não resta dúvida de que a imprensa alternativa, nas suas diferentes formas, nesse quadro sombrio, era um oásis dos cidadãos e combatidos.

A imprensa alternativa surgiu da articulação de duas forças igualmente compulsivas: o desejo das esquerdas de protagonizar as transformações que propunham e a busca, por jornalistas e intelectuais, de espaços alternativos à grande imprensa e à universidade. É na dupla oposição ao sistema representado pelo regime militar e às limitações à produção intelectual-jornalística sob o autoritarismo que se encontra o nexo dessa articulação entre jornalistas, intelectuais e ativistas políticos.

4 xícaras tomadas.:

Verdelone disse...

Cara...

Você realmente consegue ler tudo isso?
Puxa vida...
Muito bom...
Abçs
Cia dos Botecos - www.ciadosbotecos.blogspot.com

Comunidade: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=78222237

Andrei disse...

Nossa me deu uma vontade de ler...Eu adoro livros com informações históricas e é um assunto que me chama atenção...Muito bom :)

Guilherme Angélico disse...

Só pelo titulo do livro já me chamou a atenção seu blog tá de parabéns
realmente muito informativo.

Vinicius Colares disse...

ainda não li, mas já me recomendaram, agora mais esse post, fiquei com vontade!!!!!